quinta-feira, 19 de junho de 2008

Enquanto isso...

Tudo começou com uma conversa com minha irma no msn.. Me deixou estressada, e voltar pra casa naquela noite era oq eu menos queria!
O shopping aqui do lado, uma quarta feira, e a promoçao do cinema foi tentadora...
Eu, com milhoes de coisas pra estudar (Freud, Jung, Nietzche, Simone d'Beauvoir... alem da tal da subjetividade individual e coletiva de Fernando Rey) me vi na fila pra comprar o ingresso... Quando dei por mim das milhoes de coisas que ainda tinha pra ler, já estava dentro do cinema...
Enfim.. assisti Sexy and the City - O filme. Conta a história de quatro amigas balzaquianas, lindas e ricas, que falam de problemas da vida de todas as mulheres: Casamento, casa e filhos ganham o lugar do antes tão alardeado (e adorado) sexo.
Assitia a serie quando ela passava no canal 06 quando eu chegava da faculdade e nao tinha nada pra assistir...
O filme é bobo, cumpridooo.. Mas eu adorei...
Cumplicidade de amigas, duvidas sobre casamento... aaah... Me vi ali, com 40 anos (ta, q pode ser que eu nao esteje taaaoo enxuga quanto a Sarah Jessica Paker.. hehhe) mas sei la... me assusta um pouco a ideia de que eu possa estar assim, com todas essas duvidas de agora, porem daqui a uns 20 anos ( que voaam)
Depois do filme, um lanchinho do Mc Donal's com direito a Florzinha de brinde..
kkk (é, paguei o preço só pra ganhar o brinde de plastico...)
E do meu lado, na praça de alimentaçao, um grupo em cadeira de rodas, numa felicidade só... Fiquei encatada com o grupo, e nao parava de olhar.. nao com olhar de reprovaçao, mas com olhar de admiração.. Eles estavam ali, com tanta dificuldade... Tava morrendo de vontade de ir ate eles, conversar... maas, fiquei com vergonha, me recolhi a minha insignificacia e fui embora...
Poderia estar curtindo uma depre, mas sei lá.. Adoro a minha compania... E como já tinha falado por aqui, esse é um programa que eu particularmente adoro fazer...
E percebi que existem pessoas que sao felizes, estao dispostas a lutar pela suas vontades e nao tem nem metade das coisas que tenho
Medo? apenas da solidao... embora cada dia que passe eu me acostume com a compania dela
Desejo? encontrar o amor ...
Maas

"O tempo é o melhor autor.
Sempre encontra um final perfeito."

ps: as férias estao chegandoo.. Uruul! Um mês de sossego do tal do Freud
ps2: Estou lendo um livro maravilhoso.. mas será assunto do proximo post! =D
ps3: os post seram mais frequentes, prometoo! =D

3 comentários:

Nina disse...

Sabe que eu virei adepta de programas a sós desde que entrei nesse meu novo emprego? Não tem o que fazer na hora do amolmoço e o shopping fica bem próximo. Não dá tempo de ir ao cinema mas, almoço, compro umas coisinhas aqui, outras ali, e volto ao trabalho.

Taty disse...

Eu adoro um cinema sozinha. Vou amarradona, mas eu faço lanchinho antes e depois... hahahaa. Q horror.
Ah, tem brincadeira pra vc lá no blog.
Um beijo!!

Casamento feliz disse...

Eu tb adoro a minha companhia .

Beijos Sarinha