sexta-feira, 15 de maio de 2009

3 meses depois


Fui ao médico e tive a bela noticia de que perdi 3 meses da minha vida ! Aran ! 3 meses perdidos...


A culpa toda é daquela queda bendita no dia 14 de fevereiro de 2009 no qual eu ganhei 4 parafusos no meu tornozelo e um bom tempo sem pisar o pé no chão !

A tecnica utilizada pelo médico que me operou é bem ultrapassada.. hoje são usadas tecnicas mais avançadas no qual eu poderia estar me recuperando a bastante tempo.. Nem sequer usaria tanto muletas.. muito menos 2 meses de gesso !

Revolta ?? Que issoooo !!


O que eu perdi ?



  1. 3 estágios ( o que eu estava e 2 propostas - e que propostaaas )


  2. Vida social (não que eu saisse muito.. mas perdi muitaaas ocasiões divertidas..)


  3. Algum tempo sem salto alto (aaaaaaaaaaaaaaaaaaahh )

kkkkkkkkkkkkkkk


Passei 3 meses em casa, sem poder ajudar, tudo que eu queria fazer tinha que pedir pra alguem me ajudar.. grrrrrr
A questão é: o bem estar do paciente não conta ?


Agora é correr atras do prejuizo ! E vê se oq eu consigo recuperar nesse tempo !!


hahahahahaha

4 comentários:

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Pensamos demasiadamente
Sentimos muito pouco
Necessitamos mais de humildade
Que de máquinas.
Mais de bondade e ternura
Que de inteligência.
Sem isso,
A vida se tornará violenta e
Tudo se perderá.

(Charles Chaplin)

Hoje passando para desejar um final de semana com muito amor e carinho.
Abraços do amigo Eduardo Poisl.

Tay disse...

Olá,vim te convidar pra conhecer o nosso mais novo ponto de encontro feminino.
Te aguardo amanha na nossa estreia...
http://sobretudo-de-mulher.blogspot.com/

Passa lá.
bj
Tay

Menina Nina disse...

aaaaaa

histórias desse tipo são beeemm comuns viu???


Copnheço uma história bem pior que a sua, (para vc ver como nosso sistema de saúde é frágil):

A mãe de uma pessoa aqui do meu trabalho torceu o pé na rua. Ao chegar em um hospital público o médico manda logo engessar sem pensar duas vezes. E ela continua sentindo muitaaa dor. E, do nada, de um dia para o outro, ela parou de sentir dor... Aí o filho dela resolveu tirar o gesso pq achou muito estranho isso...o pé dela estava preto. Saíram correndo para uma clínica especializada que fez uma cirurgia de urgência e parafusou algumas partes do pé dela e que comunicou que a atenção do filho em arrancar o gesso salvou o pé da mãe da irresponsabilidade do primeiro médico. Ela ia perder o pé necrosado.

Pelo menos sarinha, o erro que você sofreu apenas retardou a sua recuperação. não foi tão grave! Tenta pensar positivo (imagino que vc queira arrancar a cabeça dele).

Mas, como tá o pé? Eu não sabia disso...

Déborah disse...

mó merda isso!
em pleno século 21 essas técnicas primitivas!

Melhoras pra vc amiga!

ps: volteeei